quinta-feira, 1 de julho de 2010

Encontrado Tumulo do Faraó Seti I

MUMIA DE SETI I

 

INSCRIÇÕES

O Conselho Supremo de Antiguidades (CSA) anunciou nesta quarta-feira (30 de junho de 2010) a descoberta do tumulo do faraó Seti I, que aconteceu após uma busca que durou aproximadamente 200 anos. O tumulo foi encontrado na região de Luxor a 600km do Cairo.

 

Seti I foi filho de Ramsés I e pai de Ramsés II, o Grande.

Acredita-se que o soberano, reinou por dez anos (1.314 a 1.304 AC), sendo o segundo governante da 19ª dinastia, foi responsável pela recuperação militar do território perdido na 18ª dinastia, estendendo sua influência até a região da Palestina e da Síria. Lutou também contra os Hititas, povo indo-europeu que teve seu império na região Anatólia, Mesopotâmia e Palestina.

ABIDOS

 

Reformou templos e santuários a muito esquecidos, concluiu o Grande salão Hipostila do templo de Amon, rei dos deuses, em Karnak. Porém seu suas principais obras foram o templo mortuário em Abidos, dedicado principalmente ao Deus Osíris e seu maior tumulo no vale dos reis próximo a Tebas.

 

hypostyle-hall

Seti I morreu ainda jovem próximo dos 40 anos. Sua múmia foi encontrada em 1881 em Dayru-Bahri, onde ficavam as múmias reais, e não em seu tumulo em Luxor no vale dos reis. Ao fim de seu reinado nomeou seu filho Ramsés II, ainda criança, que se tornou um dos maiores faraos.

 

Segundo o famoso secretario geral do CSA, Zahi Hawas, é a única vez que foi encontrado um corredor totalmente escavado nas rochas com uma longitude de 175 metros e uma profundidade que chega a 98 metros.

 

RELEVOS

O corredor que conduz ao tumulo foi descoberto em 1817 pelo aventureiro Giovane Belzoni que somente conseguiu escavar os primeiros 100 metros, tendo suas escavações somente recomeçadas no sec. XX pelo arqueólogo britânico Howard Carter, descobridor do túmulo de Tutancâmon, continuadas até hoje.

 

Terminado por Ramsés II, seu filho, o corredor TEMPLO DE SETI I ABIDOSdemonstra o elevado nível da arte atingida na época onde foram encontradas peças de cerâmica que datam da dinastia XVIII (1569-1315 a.C.), escadas com inscrições e a maquete de um barco. Também foram encontradas no portal de um corredor  inscrições do arquiteto detalhando, aos operários, instruções.

getCAFYVVIE

 

 

Fr Gemini .’.

6 comentários:

  1. Muito bom, sabemos que a arqueologia pode nos revelar muitas coisas do passado historico de nosso planeta, e porque não quebrar paradigmas?
    Esperamos que cada vez mais sejam encontrados mais vestígios de todas as poderosas culturas que existiram neste mundo.

    ResponderExcluir
  2. HISTÓRIA MAGNÍFICA...EXISTE UMA BOA LITERATURA PARA QUEM QUER SE APROFUNDAR NESSA EXTRAORDINÁRIA HISTÓRIA...É O ROMANCE "RAMSÉS" DO FRANCÊS CHRISTIAN JACQ...A COLETÂNEA TEM 5 VOLUMES...LI!!! E RECOMENDO.

    ResponderExcluir
  3. FR GEMINI .'.3 de julho de 2010 15:56

    MISSEREVO CASO AINDA TENHA O ROMANCE JÁ PODE SEPARAR-LO POIS QUANDO ESTIVERMOS NA MESMA CIDADE QUERO EMPRESTADO.

    ABRAÇOS
    AGAPHE 93.'.

    ResponderExcluir
  4. Ninguém sabe como morreu Seti pai de Ramsés l l ?!

    ResponderExcluir
  5. Ninguém sabe como morreu Seti pai de Ramsés l l ?!

    ResponderExcluir
  6. Ninguém sabe como morreu Seti pai de Ramsés l l ?!

    ResponderExcluir